LEXICON

AB: O coração, reservatório da consciência, vida, bem e mal. Na outra vida o AB é pesado na balança da verdade (Maat).

AMENTI: O lar secreto dos mortos egípcios, no mundo inferior.

APOPHIS: A grande serpente que deseja devorar o Sol (Amon-rá); similar a Wyrm da cosmologia garou.

BA: À parte da alma que viaja ao mundo inferior e deve retornar ao corpo para que o renascimento ocorra.
 
RITO MALDITO: Uma variação do rito do renascimento usado para criar múmias malditas.

CABIRI (singular Cabirus): Múmias da Europa e Ásia Menor que criaram uma variação do Rito do Renascimento.

FILHOS de APOPHIS: Múmias (uma vez a serviço de SET) criadas pela versão pervertida do Rito do Renascimento. Eles são servos da força demoníaca conhecida como APOPHIS.

HÓRUS: Filho de Ossiris.

CODIGO de HÓRUS: As leis que guiam as múmias egípcias, estabelecidas por HÓRUS em sua cruzada para restaurar o MAAT.

DUAT: O mundo inferior, onde os mortos inquietos residem e as múmias vão após a morte.

PRIMEIRA MORTE: O fim da primeira vida do personagem.

PRIMEIRA VIDA: A vida mortal do personagem no antigo Egito, antes do personagem tornar-se uma múmia.

GRANDE RITO: A formula mágika que cria as múmias. Também chamado de Rito do Renascimento e Feitiço da Vida.

ISHMAELITAS: Múmias egípcias renegadas que negaram o CODIGO de HÓRUS.

HEKAU: O paradigma mágico egípcio, agora praticado pelas múmias.

KA: A arte da alma que permanece na tumba para guardar corpo (KHAT).

KHAIBT: A sombra, próxima ao KA. Uma múmia que perdeu sua humanidade e agora é regida pela sombra.

KHAT: O corpo físico.

KHEM: Egito antigo.

KHU: O “brilho” um reflexo intangível do corpo da múmia.

KNOWN NAME: O nome que o personagem foi conhecido na PRIMEIRA VIDA, e pelo qual ele ainda é conhecido pela outras múmias.

MAAT: O equilíbrio cósmico que se acredita ter sido maculado.

MÚMIAS: Humanos cuja morte é temporária; após um período no mundo inferior, as múmias retornam aos seus corpos curados.

RESNACIDO: Outro nome para as múmias.

REN: O verdadeiro nome uma parte vital da personalidade que os antigos egípcios acreditavam ser uma parte inseparável da alma.

SEBAYET: Literalmente “ensinamentos”, na forma de aprendizagem literária que revela a origem e os objetivos dos SHEMSU-HERU.

SHEKEM: Poder da força vital, similar ao Chi (ver Kindred of the East).

SHEMSU-HERU: Os seguidores de HÓRUS. Múmias egípcias que seguem a liderança de HÓRUS.

SAHU: O corpo espiritual.

MORTE VERDADEIRA: A aniquilação final, de onde as múmias não retornam.

VIZIR: Administrador dos SHEMSU-HERU, agindo como 1ª ministro. Cada Vizir tem autoridade sobre uma diferente jurisdição geográfica.



Retirado do suplemento Mummy,  Segunda Edição, White Wolf 1997

Traduzido por Marcelo X, do Grupo Janus Ludo
(Que em breve terá um home page, maiores informações em breve na Playerstools)